NOTA À SOCIEDADE

SINDIMED LANÇA NOTA SOBRE A GREVE DOS EMPREGADOS DA EBSERH

NOTA À SOCIEDADE

SINDIMED LANÇA NOTA SOBRE A GREVE DOS EMPREGADOS DA EBSERH

Os empregados da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, EBSERH, vêm enfrentando ao longo dos últimos anos imensa dificuldade na negociação com a empresa no tocante ao Acordo Coletivo de Trabalho (ACT).

Durante os últimos meses foram diversas tratativas infrutíferas, travamento de pautas apresentadas pelas entidades representativas, descumprimento de prazo para apresentação de proposta ao Tribunal Superior do Trabalho (TST) e irredutibilidade da empresa quanto ao objetivo de alterar a base de cálculo da insalubridade, o que acarretaria prejuízo remuneratório aos trabalhadores.

Sem saída para a resolução do impasse, todas as categorias deliberaram pelo início do movimento paredista como forma de conter a iminente perda de direitos.

A classe médica recebeu com extrema indignação a decisão liminar do TST diante do Dissídio Coletivo de Greve ajuizado pela EBSERH, segundo a qual o movimento deveria ocorrer com 80% da área administrativa e 100% para área médica e assistencial sob pena de multa de vultosa quantia.

Fica assim, subentendida, a tentativa de tolher o trabalhador de exercer seu direito legal de realizar movimentos paredistas diante da investida do empregador de retirada de direitos.

Os supostos heróis da saúde, que têm sido testados física e emocionalmente durante todos esses meses de pandemia, não se furtarão em manter a luta e a mobilização necessárias, a despeito de toda e qualquer adversidade, para que tenham a remuneração justa conquistada e sobretudo o respeito e a valorização que merecem.

© Copyright 2015 - Rua Celso Oliva, 481 - Bairro 13 de Julho - Aracaju - Sergipe - Fone: (79) 3211-7575 / (79) 99971-6742