RÁDIO SINDIMED A VOZ DO MÉDICO - EM BREVE.

PROGRAMAS ANTERIORES

Dieese comprova que a Prefeitura de Aracaju tem condições de dar Reajuste

Na assembeia desta quinta-feira, 2, o Sindicato dos Médicos de Sergipe (Sindimed) apresentou um estudo contendo dados oficiais que a Prefeitura Municipal de Aracaju (PMA) passou para o Departamento Intersindical de Estatística e Estudo Socioeconômico (Dieese), órgão que faz as análises das contas públicas. Neste relatório, foi comprovado que a Prefeitura de Aracaju tem condições de dar o reajuste para todos os servidores municipais, e que o seu limite tanto o padrão – aquele que compromete a folha de pagamento, quanto o máximo que é de 54%, estão bem abaixo do patamar da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF).

O relatório feito em 31 de julho, afirma que entre os números colocados, através dos dados passados pela Prefeitura, é que ela tem o recurso, mas não tem como prioridade valorizar o servidor.

De acordo com o presidente do Sindimed João Augusto, "Em relação aos percentuais, o relatório mostrou que o comprometimento da receita liquida com gastos de pessoal e encargos, está em 48,52%. Esses são dados publicados pela Própria Prefeitura”, frisa o presidente, salientando que Administração Municipal poderia aumentar seus gastos com o pessoal, dando para todos os servidores um reajuste em até 5,72% , podendo chegar ao limite prudencial, sem ferir a legislação, ou 11, 29% se quiser chegar ao limite máximo.

Esse estudo será anexado a toda documentação que será encaminhada para o desembargador Diógenes Barreto que deu um prazo de 48 horas - para o Sindicato contra argumentasse no pedido de ilegalidade da greve feito pela Prefeitura Municipal de Aracaju - a partir de hoje, quando o Sindimed foi notificado.

 

© Copyright 2015 - Rua Celso Oliva, 481 - Bairro 13 de Julho - Aracaju - Sergipe - Fone: (79) 3211-7575 / (79) 9971-6742